Tipos de empresa

Tirar uma ideia do papel e começar uma nova empresa não é uma tarefa nada fácil. Além de fazer pesquisas de mercado, buscar investimentos, contratar funcionários, montar um plano de negócio é preciso também entender os tipos de empresas existentes que você irá se enquadrar.

Existem vários tipos de empresa, por isso é preciso entender qual é a opção que mais irá se encaixar com a sua necessidade e realidade. Por isso, hoje, vamos te explicar os tipos de empresa mais comuns e suas principais características!

Tipos de empresa

Empresário Individual (EI)

É o tipo de empresa na qual a empresa só possui apenas um proprietário, não havendo sócios.

Neste caso o empresário deve responder integralmente não só pelas atividades operacionais como também pela administração, ou seja, possui responsabilidade ilimitada. Sendo assim o empresário fica sujeito a ter seus bens pessoais confiscados em casos de pagamentos de dívida.

O empresário será responsável por todas as atividades da empresa, sendo assim o nome empresarial deve ser o mesmo nome de seu proprietário. Há apenas a opção de escolher o nome fantasia.

Vamos imaginar uma situação: Osvaldo é um recém aposentado pela empresa da qual sempre trabalhou, mas ainda assim deseja continuar trabalhando. Por isso decidiu virar um empresário individual.

Nome empresarial: Osvaldo da Silva

Nome fantasia: WebTech – Serviços Tecnológicos

Microempresário Individual (MEI)

Como o próprio nome sugere é o tipo de empresa na qual uma pessoa decide se regularizar e torna-se um pequeno empresário. Sendo assim o empresário passa ter normalmente um CNPJ para responder suas atividades e contas bancárias de forma separada de sua pessoa física.

O microempresário fica restrito a um faturamento anual de R$81.000,00 e deve obrigatoriamente optar pelo regime tributário do Simples Nacional. Caso seu faturamento ultrapasse o MEI deve mudar sua sociedade para ser um Empresário Individual. Além disso só permitido que se tenha um único funcionário, caso haja necessidade de mais contratações também é necessário mudar o tipo de sociedade.

O MEI também possui responsabilidade ilimitada e seus bens pessoais ficam sujeitos a serem confiscados em casos de pagamento de dívidas.

Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (Eireli)

É também um tipo de propriedade na qual um empresário pode atuar sem sócios e de forma individual.

A diferença é que neste caso a pessoa não possui responsabilidade ilimitada como no caso do microempreendedor e do empresário individual.  A responsabilidade fica limitada ao capital social, ou seja, o valor investido que pode ser tanto em dinheiro quanto em bens.

Dessa forma uma Eireli é uma pessoa jurídica e que possui um patrimônio próprio, não há mistura do patrimônio da pessoa física de seu proprietário. Outra diferença é a possibilidade para escolher um nome empresarial que seja diferente do nome do empresário.

O valor de investimento neste caso deve ser de no mínimo dez salários mínimos para se tornar empresa individual de responsabilidade limitada.

Sociedade Simples

É uma empresa formada por dois ou mais sócios que atuam no mesmo ramo e possuem a mesma atividade fim. Normalmente é um tipo de sociedade adotada por profissionais considerados liberal ou intelectual, tais como advogados, médicos, arquitetos, escritores entre outros.

É uma sociedade focada apenas na prestação de serviços por meio de seus sócios. É necessário fazer um registro em Cartório de Registro Civil das Pessoas Jurídicas, sem precisar cadastrar na Junta Comercial.

Sociedade Limitada (LTDA)

É o tipo de empresa mais comum no Brasil. É a empresa que possui dois ou mais sócios na qual permite atuação dos sócios e forma coletiva e que possui responsabilidade limita ao capital social investido. Toda via, todos os sócios devem responder de solidariamente pela empresa em caso de falência.

Cada sócio deverá ter uma cota, que delimitam a responsabilidade social de cada sócio. É preciso elaborar um contrato social e requer fazer um registro na Junta Comercial.

Sociedade Anônima (SA)

É um tipo de empresa com fins lucrativos que possui o seu capital social dividido em ações, por isso os sócios nesse caso são chamados de acionistas. A responsabilidade dos acionistas fica limitadas ao preço da emissão das ações que podem ser adquiridas ou subscritas (quando é emitido novas ações para aumentar o capital).

As ações devem ser negociadas livremente e sem necessidade de haver algum tipo de escritura pública. O grande objetivo de uma sociedade anônima é acumular capital e a participação do acionista no controle da companhia é diretamente relacionado com a quantidade de ações que ele possui.

Uma Sociedade Anônima deve ser composta por uma Assembleia Geral, um Conselho de Administração, uma Diretoria e um Conselho Fiscal. No Brasil, a principal lei que regulamenta as sociedades anônimas é a lei 6.404/76.

Uma S.A também pode ser conhecida como Companhia ou Sociedade por Ações e pode ser dividida em dois tipos: Sociedade Anônima de Capital Fechado e Sociedade Anônima de Capital Aberto

  • Sociedade Anônima de Capital Aberto: é quando a sociedade opta por negociar suas ações ou demais valores mobiliários são negociados livremente em bolsa de valores ou mercado de balcão que devem ser regulamentados pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM)
  • Sociedade Anônima de Capital Fechado: é a sociedade que opta por não negociar seus valores mobiliários em bolsa de valores e mercado de balcão. As ações são divididas internamente entre os sócios

Conclusão

Como podemos perceber, existem diversos tipos de empresas que você pode se interessar para abrir o seu próprio negócio. Não existe o melhor modelo de empresa, é preciso ver qual delas é melhor opção para a sua realidade!

Gostou do conteúdo? Conta para a gente o que achou nos comentários!

Friendslab

A FriendsLab é composta por um time de profissionais que vieram de várias das empresas mais inovadoras do país e que aprenderam, colocando a mão na massa, como criar poderosas máquinas de crescimento e vendas. Atuamos no acompanhamento e no desenvolvimento das suas ações. Seja de forma consultiva apenas ou também colocando a mão na massa.

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *