Como funciona um investidor anjo?

O investidor anjo é aquela pessoa (física ou jurídica) que fornece capital para uma empresa que está começando (as startups) em troca de uma dívida conversível ou participação acionária.

Geralmente é alguém que acredita no sucesso do negócio, é muitas vezes um ex-empreendedor que quer apoiar e ajudar o ecossistema, ou uma pessoa que quer destinar parte do patrimônio e usar seus conhecimentos para novas oportunidades.

Além de oferecerem recursos financeiros, os investidores anhos podem agregar expertise, networking e conhecimento em prol do crescimento da startup, é o famoso smart-money.

O que um investidor anjo procura em uma startup?

A primeira análise que o investidor faz é sobre as pessoas e os empreendedores que fazem parte da startup. A paixão, engajamento, qualidade e comprometimento dos fundadores são o ponto de partida. Além da tecnologia e propriedade intelectual do negócio, em outras palavras, o quão disruptivo ele é.

Após isso são analisados as oportunidades de mercado e o potencial da empresa se tornar grande. Esses pontos serão explanados no plano de negócios, que deve conter a visão de futuro e evidências de obter tração em relação ao que se espera nas projeções.

É interessante ter detalhado o montante que se deseja e a destinação do valor a ser investido. Se tem em mente os próximos passos da sua startup, é interessante ter no plano de negócios a viabilidade de se levantar rodadas futuras e adicionais de investimento, havendo o progresso do negócio.

Quais questões financeiras o empreendedor deve apresentar aos investidores anjos?

Muitos empreendedores se questionam até qual ponto devem chegar de detalhamento financeiro para apresentar aos investidores anjos. Aqui levantaremos alguns pontos, mas, se não conseguir levantar algum deles, não se preocupe, o principal o mostrar como o negócio pode crescer e dar bons retornos:

– Qual o montante que você precisa;

– No que irá investir o dinheiro;

– Por quanto tempo espera que o capital dure (principalmente para empresas que não possuem ainda uma receita);

– Projeção financeira para os próximos 2 anos;

– Quais são os principais custos referentes ao produto ou serviço;

– Qual a expectativa de margem bruta sobre o produto ou serviço

Quais são as principais perguntas que o empreendedor deve responder sobre o seu negócio?

O investidor anjo vai querer ter uma noção de como a empresa planeja crescer, o custo de adquirir um cliente e o prazo de permanência e crescimento dos clientes. Portanto, o empreendedor deve estar preparado para o seguinte:

– Como a empresa comercializa ou planeja comercializar seus produtos ou serviços?

– Qual é o custo de uma aquisição de cliente?

– Qual a estratégia de marketing da empresa?

– Qual é o ciclo de vendas típico entre o contato inicial com o cliente e o fechamento de uma venda?

– Quem são os fundadores e os principais membros da equipe?

– Qual experiência relevante que a equipe tem?

– Por que a equipe é capaz de executar o plano de negócios da empresa e quem serão as posições chave a serem preenchidas?

– O que motiva os fundadores?

– Como você planeja escalar a equipe nos próximos 12 meses?

Onde encontrar um investidor anjo?

Depois de todo o estudo feito, de quanto você precisa levantar e o que irá fazer com o dinheiro, você precisa encontrar o investidor que se encaixe melhor com o seu negócio. Mais uma vez você não deve focar somente no dinheiro, e sim no conjunto de oportunidades que o investidor tem para lhe oferecer.

Existem diversas associações e rede de investidores que assessoram os interessados nessa modalidade de investimento, seguem algumas:

– Anjos do Brasil

– Gavea Angels

– Bossa Nova Investimentos

Busque aquele investidor que mais fará a sua empresa crescer! E bons negócios!

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *