ABC do Marketing Digital: Dicionário para iniciantes

O Marketing Digital é um dos tipos de Marketing  mais novos e comumente muitas pessoas ainda não sabem o significados de expressões e palavras utilizadas nesse meio. Por isso, nosso intuito, hoje é justamente te deixar por dentro dos principais termos usados nesse universo!

ABC do Marketing Digital: o dicionário que você precisa saber

AIDA

É a abreviação de Atenção, Interesse, Desejo e Ação. Estas são 4 das etapas do processo de relacionamento com o consumidor, baseado no comportamento humano para tomada de decisão. É utilizado no Marketing com objetivo de direcionar usuários para uma conversão pré-determinada.

ALT TEXT 

Em tradução literal “texto alternativo” e significa  a descrição de uma imagem na internet. Essa descrição é lida pelos mecanismos de busca, sendo um importante fator de SEO. Caso a imagem não carregue, a descrição irá aparecer e proporcionará uma boa experiência ao usuário que poderá entender o conteúdo da imagem mesmo sem vê-la.

ANALYTICS

É uma ferramenta que permite fazer análises aprofundadas de um site, plataforma, por meio de dados e estatísticas de diversos aspectos, tais como número de visitantes, páginas mais acessadas, dados demográficos, entre outros dados relevantes. A ferramenta mais famosa é do Google Analytics.

API

É a sigla para Application Programming InterfaceÉ o composto de aplicações de programação que são utilizados para integrar diferentes tipos de softwares.

AUTOMAÇÃO DE MARKETING

São ferramentas que automatizam tarefas simples e rotineiras do  Marketing Digital. A intenção é acelerar processos.

AUTORIDADE DE PÁGINA

É o nível de relevância de uma  página da internet, em relação a outras páginas concorrentes. Quanto mais relevante for uma página, melhor o seu posicionamento nos mecanismos de busca e maiores as chances de dos usuários a encontrarem.

A relevância está associada a qualidade do conteúdo, imagens, quantidade de links, técnicas de SEO, uso de palavras chave.

AUTORIDADE DO DOMÍNIO

Semelhante ao conceito de autoridade de página, porém voltado a relevância do domínio de um site e suas páginas como um todo.

AUTORESPONDER

É um sistema que envia mensagens automáticas, após o usuário realizar algum tipo de cadastro.

BANNER

São os “outdoors” da internet. São espaços em sites, blogs ou canais de comunicação para se fazer anúncios em formato de imagens.

O banner pode conter a marca ou mensagem do dono da página ou este pode ceder seu espaço para anúncios de terceiros e cobrar uma taxa por conceder seu espaço.

BASE DE VISITANTES

É a média de visitantes diários recebidos em site.

BLACK HAT

São ações de SEO consideradas antiéticas e passíveis de punição pelos mecanismos de busca.

BLOG

É uma página de um web site no qual é publicado diversos tipos de conteúdo, tais como textos, infográficos, imagens, vídeos. Um blog tem a finalidade de informar os visitantes de uma página de uma forma regular.

BUSCA ORGÂNICA

Se refere a todo tráfego gerado de forma gratuita em uma página. Significa que os visitantes chegam por meio de uma pesquisa de palavra chave de forma orgânica. Também pode ser chamado de tráfego orgânico .

BUSCA PAGA

Se refere a todo tráfego gerado de forma paga em uma página. Significa que os visitantes chegam por meio de uma pesquisa de palavra chave por meio de anúncios. Exemplo: Google Adwords, Facebook Adwords. Também pode ser chamado de tráfego pago.

CAC 

É a sigla para Custo de Aquisição de Cliente. É um cálculo que mostra  o quanto uma empresa está gastando para conquistar um cliente novo. Com isso é possível planejar  orçamentos e estratégias de marketing.

CALENDÁRIO EDITORIAL

Como o próprio nome sugere, é um calendário feito para organizar atividades cotidianas de modo a ter um controle sobre as mesmas, como se fosse uma agenda/cronograma. Exemplo: definir os dias de postagem de conteúdo nas redes sociais.

CANAIS

Se refere às todos os meios de comunicação que uma marca pode utilizar para se comunicar com o seu público, tais como sites, blogs, redes sociais, emails.

CHATBOT

É um programa de computador capaz de simular um atendimento humanizado, por meio de um chat online, dinamizando o tempo de suporte ao cliente. A ideia para o usuário é que o mesmo está conversando com outra pessoa, e não com  um robô.

CICLO DE VENDA

É o tempo de duração do primeiro contato do cliente com a marca ou produto até a efetiva venda.

CONSISTÊNCIA

É a realização de uma ação regularmente frequente e é fundamental para criar uma base de audiência e construir relacionamento.z

CONTEÚDO VIRAL

Todo tipo de conteúdo que se “espalha” rapidamente, de forma viral. O conteúdo é amplamente compartilhado e comentado dentro e fora da internet.

CPC

É a sigla para Custo Por Clique. É o meio de cobrança por anúncios à medida que o mesmo é clicado. O valor da cobrança varia de acordo com nível de relevância da palavra-chave. Quanto maior o volume de pesquisa de uma palavra-chave, maior tende a ser o seu valor.

CPA

É a sigla para Custo por Aquisição. É o outro meio de cobrança por anúncios, entretanto a base de cálculo é o número de conversões realizadas.

CRM

É a sigla para Customer Relationship Management. É um sistema para gerenciar o relacionamento com clientes desde a coleta de informações quando o mesmo ainda é um potencial cliente até o momento em que se torna um cliente e seu pós venda.

CRO

É a sigla para Conversion Rate Optimization. É o processo para  otimizar a taxa de conversão dos visitantes de uma página.

CTA

É a sigla para Call to Action. São comandos que induzem o visitante de uma página a realizarem uma ação, seja baixar um material, se inscrever em uma newsletter entre outros.

CTR

É a sigla para Click  Through Rate. É a porcentagem dos visitantes que clicam em links dentro de uma mensagem e são redirecionados a uma  página da web.

DOMÍNIO

É o endereço de um site.

EBOOK

É um livro eletrônico. No meio do marketing digital também pode ser um conteúdo muito rico, como se fosse um guia ou manual sobre algo  

EDGE RANK

É o algoritmo do Facebook que determina o nível de relevância dos conteúdos que irão aparecer ou não na pagina de noticias do usuário com base em alguns critérios, tais como: formato do post, nível de afinidade e  horário que foi postado.

ENGAJAMENTO

É o nível de engajamento  que um conteúdo teve, está associado ao número de compartilhamentos, comentários e curtidas.

FORMULÁRIO DE CONVERSÃO

É o campo no qual o visitantes  preenchem algumas informações pessoais com o intuito de receber algo em troca, tais como contato com um profissional de uma empresa, ebooks, newsletter.

FUNIL DE VENDAS

É um modelo estratégico dividido em 3 etapas que mostra a jornada do cliente, desde o seu  primeiro contato com a empresa,quando o mesmo ainda não está pronto para comprar, até o fechamento de uma venda. No Marketing Digital são utilizadas estratégias diferentes para cada etapa de modo a conduzir o potencial cliente ao longo desse funil.

As etapas são:

  1. Topo do funil: contato inicial que o possível cliente tem com a empresa. Neste momento o mesmo ainda não se encontra apto a comprar, logo é preciso educá-lo e tirar dúvidas  respeito do que ele procura.
  2. Meio do funil: momento no qual o possível cliente já está familiarizado com o produto ou serviço da empresa e começa a avaliar custo benefícios de adquirir, ou seja, momento que ele começa mostrar interesses de compra. Logo é o momento de fortalecer o relacionamento.
  3. Fundo do funil: momento final para finalizar a venda, pois o possível comprador já tem todas as informações a respeito da empresa e seu produto/serviço e chegou o momento de apresentar valores e condições de pagamento para fechar ou não a venda. Aqui o vendedor deve mostrar porque a sua empresa é a melhor solução para resolver o problema e fechar “portas” em relação aos concorrentes.

GERAÇÃO DE LEADS

É a estratégia para atrair visitantes em uma página e transformá-los em leads, ou seja, potenciais clientes.

GOOGLE ADWORDS

Ferramenta do Google para exibir anúncios de forma segmentada e pelo uso de palavras chave por meio de pagamentos por quantidade de cliques ou conversões. Redes sociais como Facebook e Instagram também possuem a ferramenta Adwords.

GROWTH HACKER

Profissional focado em gerar crescimento rápido na aquisição de clientes, testando diversos canais e meios para aumentar sua base.

GROWTH HACKING

É o marketing voltado a experimentos, é o ato de encontrar oportunidades para criar estratégias para gerar um crescimento rápido da empresa. Growth Hacker é o profissional focado no crescimento aquisição de clientes envolvendo várias áreas da empresa como vendas, marketing, produto.

GUEST POST

É um conteúdo produzido por um autor convidado para ser publicado em uma página que não a de costume deste autor. Exemplo: a FriendsLab pode convidar um profissional de outra empresa para escrever em seu blog para dar uma outra visão sobre um tema.

HARD BOUNCE

 É quando um email apresenta uma falha em sua entrega ao destinatário final de modo permanente, provavelmente o usuário forneceu um endereço de email inexistente.

HEADING TAGS

Mais conhecidos como H1, H2, H3 , são códigos  de programação em HTML que servem para diferenciar títulos e sub-títulos de uma página.

HIPERLINK 

É um conteúdo no qual o visitante pode clicar para ser redirecionado a outra   página ou site por meio de uma imagem, palavra com link, botões.

INBOUND MARKETING

É um novo método dentro do Marketing no qual o cliente chega até a empresa de forma natural e gradativa por meio de pesquisas de conteúdos relacionados a uma dúvida ou um problema que precisa ser resolvido. Para isso são produzido conteúdos relevantes  para cada etapa do funil de vendas de modo a conduzi-lo na jornada de compra dentro de quatro etapas: atração, conversão, fechamento e encantamento.

INSIDE SALES

É processo de vendas na qual  o vendedor realiza seu trabalho de forma interna, o mesmo não precisa se deslocar,necessariamente,  fisicamente até o potencial cliente para realizar reuniões de vendas. O contato pode ser feito por meios digitais, tais como Skype, chats, telefone, salas virtuais. Isso permite que o vendedor não perca tempo com deslocamento, aumente sua produtividade  e reduza custos para a empresa.

KPIS

É a sigla para Key  Performance Indicators. São indicadores de performance feitos para avaliar, mensurar e monitorar o acompanhamento de métricas.

LANDING PAGE

É uma página feita para segmentar algum tipo de contato e propagação de algum conteúdo específico de modo a otimizar conversões e geração de novos leads.

LEAD

É todo visitante de uma página que demonstra interesse na empresa e por isso fornece dados pessoais, tais como nome  email, telefone, em troca de algo em interesse se tornando assim um potencial cliente.

LEAD QUALIFICADO

É o lead que já avançou em pouco no funil e agora está mais qualificado e interessado para saber mais informações de uma oferta.

LEAD SCORING

É um sistema que monitora todas as ações do lead e atribui uma pontuação para cada ação, de modo que se este tiver muitas ações ele se torna um lead qualificado. Exemplo: um lead baixou um ebook, assinou uma newsletter, baixa outros conteúdos e cada ação é pontuada de acordo com o nível de importância para a empresa.

LONG TAIL KEYWORDS

Em tradução literal significa palavra chave de cauda longa. Isso significa que um usuário procura por algo mais específico e por isso ele desenvolve mais o que está procurando. Exemplo: imagine que você esteja procurando por um apartamento, ao invés de digitar apenas: “apartamento em São Paulo”, você digitaria “apartamento 2 quartos próximo a Av. Paulista”. Esse tipo de palavra chave geralmente possui um volume de buscar menor, entretanto mostra melhor a intenção do consumidor sendo estratégico fazer anúncios segmentado.

LINKS INTERNOS

São outros links de um site que direcionam a outras páginas deste mesmo site, são links de um mesmo domínio. Exemplo: é possível linkar esse glossário a outros conteúdos próprios da FriendsLab.

LINKS EXTERNOS

São links que ao contrário dos links internos, estes direcionam para outras páginas fora do seu próprio domínio.

LINK BUILDING

É o de conseguir trocar links externos com outras páginas de forma a melhorar o seu posicionamento nos mecanismos de busca.

MARKETING DE CONTEÚDO

É uma das estratégias do Inbound Marketing que  tem o objetivo criar conteúdos (textos, infográficos, vídeos, imagens, ebooks) para potenciais consumidores. Cada conteúdo produzido está em função de cada etapa do funil (topo,meio ou fundo). É uma estratégia que visa educar os visitantes de modo a diminuir o ciclo de vendas.

MQL

É a sigla para  Marketing Qualified Lead.  São aqueles leads que foram qualificados pelo marketing e agora será repassado para equipe de vendas, pois este já passou por toda a etapa de qualificação.

META DESCRIPTION

Em tradução literal significa Meta Descrição. É o pequeno resumo de um conteúdo nos mecanismos de busca.

NUTRIÇÃO DE LEADS

Também conhecido como Fluxo de Nutrição, é o ato de automatizar uma sequência de emails a medida que um lead interage com um conteúdo,enviando outro conteúdos relacionados com o que ele acabou de interagir. Isso ajuda a aumentar sua pontuação no lead scoring e a caminhar dentro da jornada de compra.

OUTBOUND MARKETING

É um método contrário ao Inbound Marketing, também  conhecido como marketing de interrupção. É um processo similar ao utilizado na publicidade no qual o conteúdo é feito para ser disseminado de forma ampla para divulgar um produto ou serviço de forma direta e para qualquer pessoa.

PALAVRA-CHAVE

É aquilo que o usuário procura ou pesquisa na internet, são as palavras ou conjunto de palavras que definem sua intenção de busca.

PÁGINAS POR VISITA

É o número médio de páginas de um mesmo domínio que um visitante visualiza.

PERSONA

É a representação das principais características de um público alvo  representadas na forma de um personagem fictício para representar um cliente ideal. É possível que uma empresa tenha mais de uma persona.

REDE DE DISPLAY DO GOOGLE

São todos os sites, blogs ou qualquer que decidem exibir os anúncios de Google Adwords em suas páginas.

REMARKETING

 É a reexibição de anúncios após uma visita de um usuário a um site,em outras páginas. Na prática funciona quase como uma “perseguição” de um anúncio em todos os lugares que possuírem a rede de display. Exemplo: você pesquisou preços de passagens aérea e depois vários anúncios de passagens da companhia aparecem para você novamente.

ROI

É a sigla para  Return On Investiment. É o retorno sobre investimento, ou seja, a relação entre a receita menos gastos com marketing. Quanto maior a receita em relação com os gastos significa maior ROI.

SEGMENTAÇÃO

É o ato de separar os leads em categorias de modo que estes recebam conteúdos e atendimentos diferentes com base em uma série de  critérios. A segmentação serve para se comunicar com determinados tipos de personas de forma mais eficiente e aumentar as taxas de conversão.

SEO

É a sigla para Search Engine Optimization. São técnicas para otimizar o posicionamento de um site nos mecanismos de busca. É fundamental que as práticas de SEO estejam em um estratégia de marketing digital de modo a trazer mais visibilidade para a sua página e conteúdos de modo orgânico.

SEO ON PAGE

São as ações de SEO que buscam otimizar as ações dentro da página e domínio, tais como título,subtítulos descrição de imagens,uso  palavras chave e outras ações que promovam melhor experiência ao usuário.

SEO OFF PAGE

São as ações de SEO que buscam otimizar as ações fora da página de modo a melhorar  o seu posicionamento em um mecanismo de busca, tais como uso de links externos para a sua página e divulgação.

SERP

É a sigla para Search Engine Results Page. É a página com todos os resultados de uma pesquisa de palavra chave em um mecanismo de  busca. Uma estratégia de SEO bem feita permite que sua página fique nas primeiras posições de um SERP, em outras palavras é fazer com seu site ou conteúdo aparece nas primeiras posições da primeira página do Google.

SQL

É a sigla para Sales Qualified Leads. São os leads qualificados pelo time de vendas e significa que estes estão mais próximos de fechar uma venda.

SOFT BOUNCE

É quando um email apresenta uma falha em sua entrega ao destinatário final de modo temporário. Provavelmente a caixa de email do usuário está cheia.

TAXA DE ABERTURA

É a quantidade,em porcentagem, de pessoas abrem um email disparado.

TAXA DE CLIQUES

É a quantidade, em  porcentagem, de pessoas que além de abrirem um email, estas também clicam em um link dentro do email.

TAXA DE CONVERSÃO

É a porcentagem de visitantes que realizam uma ação previamente determinada para gerar uma conversão. Exemplo fazer um cadastro, baixar um material, fechar uma venda.

TAXA DE ENTREGA

É a quantidade porcentagem de mensagens que de fato são entregues aos usuários ou potenciais clientes.

TEMPO NO SITE

É o tempo médio que um visitante permanece quando entra em um site.

TESTE A/B

É um teste cujo objetivo é testar  duas ou mais variações de uma mesma página, publicação ou email,  para saber qual dessas variações causa mais impacto na conversão do usuário. É testado variar as cores, posições de links na página, imagens diferentes, variar um título e descrição entre outros.

WEBINAR

É um seminário virtual. É a disponibilização de um conteúdo em vídeo, muitas vezes feito ao vivo, com o intuito de transmitir algum tipo de conhecimento ou promover uma interação mais humana com os visitantes.

 

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *